Pela multiplicidade de redes


Você sabia que existe a possibilidade de criar redes sem necessariamente está conectado à Internet ou redes que trabalham em conjunto com esta?

Essas redes, muitas vezes chamadas de redes Mesh, não precisam de servidores centrais de conexão, ficando você liberado de ter que pagar a um provedor pelo acesso.

Os protocolos de comunicação usados nestas redes escolhem caminhos de forma automática entre terminais, ou seja entre computadores ligados em uma mesma rede. Se alguns desses terminais também tiverem acesso à Internet, você também pode compartilhar das funcionalidades da Rede Mundial de Computadores. Utilizados com a conexão à Internet disponibilizado por redes públicas e gratuitas, essas redes seriam uma importante ferramenta de inclusão digital.

E o melhor: essas rede são descentralizadas, tornando muito mais difícil que se consiga bloqueá-las como fazem governos autoritários. Esse tipo de rede foi utilizado na Turquia, por exemplo, quando o governo local bloqueou a Internet diante de protestos. Essa redes foram as responsáveis por manter a comunicação entre ativistas naquela ocasião.

Aqui duas possibilidades para a implementação desse tipo de rede: https://projectmeshnet.org/ e http://project-byzantium.org/

No primeiro caso temos um sistema que instala um protocolo de rede distribuída em sistemas GNU/Linux, Mac, OpenWRT e Android. Esse protocolo, alem de permitir a comunicação entre terminais, criptografa as informações trocadas, garantindo maior segurança e privacidade.

O segundo é uma distribuição GNU/Linux que funciona diretamente do CD/DVD ou do pendrive e que já vem com tudo configurado para que você comece a se conectar com outras máquinas que estejam usando o sistema.

Para funcionar o que seu computador precisa é de uma placa de rede. Mais detalhes técnicos podem ser encontrados nas respectivas páginas dos sistemas.

Então, prontos para ampliar suas possibilidades de comunicação?